Tipos de Bolos

Tipos de Bolos

4899
Tipos de Bolos

Tipos de Bolos

Eu sempre tive em mente que fazer bolos deveria se tornar ciência, são tantos detalhes, tantos truques, que apesar de parecer simples, se você não conhece bem cada peculiaridade, as chances de dar algo errado são grandes. Esses dias num grupo que participo uma moça fez uma pergunta que acho que muitos iniciantes no mundo dos doces tem dúvidas.

Porque todo mundo usa Pão de Ló, não existem outros tipos de massas?

E a resposta é sim. Existem outras massas e eu vou listar as mais utilizadas.

Particularmente não uso e nem gosto de pão de ló, acho seco, sem graça e é uma receita cara devido a quantidade de ovos que leva na receita.

Realmente o Pão de ló é o mais conhecido e o mais usado, essa massa é feita de ovos batidos (claras em neve), açúcar e farinha de trigo. PONTO, não vai emulsificante, fermento dentre outras coisinhas mais. Essa massa cresce pelo processo mecânico, por usar claras batidas, quando submetemos essa massa ao calor, o ar incorporado nas claras se expande e faz o bolo crescer. É uma massa mais firme e maleável, pois isso é muito usada em grandes bolos, que levam camadas e mais camadas de recheios pesados e decorações.

Parecida com o Pão de Ló, existe a Génoise, a preparação é bem parecida, porém, feita a partir de ovos inteiros batidos com açúcar em banho-maria, em temperatura entre 55-60 graus C, com adição de pequena quantidade de manteiga derretida e fria somente no final da preparação. Ela também ideal para bolos recheados, umedecidos com caldas e decorados com qualquer tipo de cobertura.

A minha preferida de sempre, é a Massa Amanteigada, os bolos feitos com essas massas tem gosto de bolo de mãe. Sua receita básica leva, Ovos, Farinha, Açúcar, Manteiga e Fermento e um liquido, que pode ser suco, leite entre outros. Essa é uma massa mais leve e fofinha, pode ser recheada e esculpida, porém não aguenta muito peso, mas pode ser prensada sem perder em nada no sabor e na qualidade.

E minha segunda preferida é a massa Chiffon, que é exatamente igual a massa amanteigada, porém, no lugar da manteiga, usamos algum tipo de óleo, que deixa o bolo muito úmido. Fazer bolos com essa massa permite que eles fiquem sob refrigeração por mais tempo sem ressecar, justamente devido a quantidade de óleo na receita, que em baixa temperatura, ainda continua liquido, diferente da manteiga que se solidifica. Para que ele não fique tão pesado, o ideal é separar as claras dos ovos e adiciona-las batidas ao final do processo.

Agora que vocês já conhecem os principais tipos de massas de bolos, mãos a obra e vamos testa-las, uma coisa que sempre digo, acertar um bolo, é algo peculiar e individual, experimente as receitas e adote aquela que você mais goste e faça melhor. Essa será a que fara o bolo mais gostoso do mundo, O SEU!

E aproveita ai pra me contar qual massa vocês mais gostam!!! Beijão até mais!

· · · · · ·

Talentoso, criativo e corajoso, tem sua história cheia de conquistas, decepções, sonhos, determinação, acertos e erros. Tudo resumido pela palavra paixão. Daniel tem paixão pelo açúcar, doces, chocolate, por arte, desenhos, computadores e gadgets. E é com esta paixão cria, inova, ousa, inventa receitas com as mais belas e variadas formas e sabores, materializando o prazer de fazer o que ama, o que nasceu para, o que faz com maestria.


Postagens Relacionadas e Comentários